Controlo-Higiene-Exploracoes-Pecuarias

Controlo de Higiene em Explorações Pecuárias

Este artigo oferece recomendações sobre as medidas de controlo de aves a implementar em explorações pecuárias com incumprimentos de higiene devido a pragas de pássaros.

  • Qualquer tipo de exploração está sujeito a inspeções
  • Os incumprimentos mais comuns são os relacionados com as condições de Higiene Geral da exploração
  • controlo de pragas é uma das principais medidas para melhorar a higiene e biossegurança da exploração
  • Os pássaros, ratos e insetos são as pragas mais comuns neste tipo de explorações.

Abaixo, encontrará mais informações sobre estes temas e como evitar procedimentos sancionatórios devido a pragas de pássaros em explorações pecuárias.

Que tipo de explorações estão sujeitas as Inspeções

Qualquer exploração pecuária está sujeita a receber inspeções  para o controlo da higiene na exploração. Isto inclui explorações de qualquer espécie: bovino de carne e leite; ovino de carne e leite; caprino de carne e leite; porcino; equinos; coelhos; apicultura e caracóis.

O que é avaliado durante as inspeções

Os controlos e as inspeções costumam abranger diferentes categorias:

  1. Higiene Geral da Exploração
  2. Higiene nas Explorações de Leite: equipamentos para a ordenha, manuseamento e refrigeração do leite, recipientes e tanques…
  3. Registos da Exploração: registos da natureza e origem dos alimentos para os animais, informação sobre os medicamentos veterinários…
  4. Gestão Sanitária
  5. Subprodutos: cadáveres, gestão do estrume…
  6. Higiene dos Alimentos para os Animais: armazenamento adequado de matérias primas, limpeza dos comedouros…
  7. Uso Racional dos Medicamentos

Dentro da primeira categoria de controlo, a Higiene Geral da exploração pecuária, os inspetores costumam avaliar o cumprimento dos seguintes aspetos:

controlo-aves-exploracoes-pecuarias
  • Manter limpas todas as instalações de produção primária e operações relacionadas, incluídas as usadas para manusear e armazenar os alimentos para os animais e, se for o caso, as correspondentes desinfeções
  • Manter limpos e, se for o caso, desinfetar os equipamentos, os contentores, as caixas e os veículos (tanto à entrada como à saída da exploração)
  • Garantir, na medida do possível, a limpeza dos animais para o abate, e se for o caso, dos animais de produção
  • Utilizar água potável ou água limpa quando necessário
  • Evitar, tanto quanto possível, que os animais e as pragas possam causar contaminação
  • Armazenar e manusear os resíduos e as substâncias perigosas para evitar a contaminação
  • Garantir que o pessoal que manuseia os produtos alimentares apresenta um bom estado de saúde e que recebe formação sobre os riscos para a saúde

Quais são os Tipos de Incumprimento e que medidas devem ser tomadas?

Os inspetores podem identificar diferentes tipos de incumprimento:

  • Irregularidades: deficiências detetadas numa atividade de controlo, que dão lugar a uma proposta de início de procedimento sancionatório
  • Infrações: deficiências detetadas numa atividade de controlo que dão lugar a um procedimento sancionatório qualificado. Quer seja porque a atividade supõe um incumprimento manifesto do regulamento não solucionável, ou porque um incumprimento não foi solucionado no prazo estabelecido

As principais medidas a tomar depois da deteção de um incumprimento são:

  • estabelecimento de um prazo de correção e realização de uma segunda inspeção para verificar a correção ou não da irregularidade
  • Em segundo lugar, podem ser estabelecidas outras medidas, como: a imobilização dos animais.

Normalmente, a maioria dos incumprimentos está relacionada com as condições de Higiene Geral. Recordemos que as condições de Higiene Geral são as relacionadas com a biossegurança da exploraçãolimpeza e desinfeção das instalações e dos veículoscontrolo de pragas

No entanto, os vários aspetos de Higiene Geral não costumam dar lugar à instauração de procedimentos sancionatórios.

Isto significa que os inspetores concedem à exploração um prazo para correção destas irregularidades relacionadas com as condições de Higiene Geral. E, numa segunda inspeção, verificam se estas irregularidades foram efetivamente corrigidas, ou se foram implementadas as medidas oportunas e necessárias com o objeto de corrigir ditas irregularidades.

O controlo de pragas é fundamental nos controlos de Higiene Geral da exploração

As principais pragas nas explorações pecuárias costumam ser as ratazanas e os ratos, os pássaros e os insetos.

  • Os roedores podem transmitir doenças tanto aos animais como ao homem: salmonelose, toxoplasmose, parasitas…
  • Os pássaros também são transmissores de muitas doenças. As fezes dos pássaros são fonte de doenças como a salmonelose, o vírus da gripe das aves, a coccidiose…
  • A moscas costumam ser o inseto mais abundante nas explorações pecuárias e são transmissoras de muitos agentes patogénicos. Outras pragas de insetos podem ser os carrapatos.

A seguir, vamos centrar-nos nas pragas de pássaros nas explorações pecuárias. Veremos que medidas devem ser tomadas para evitar ou corrigir incumprimentos nas condições de Higiene Geral da exploração provocadas por pragas de aves.

Medidas para o Controlo de Pássaros e para evitar incumprimentos no controlo da higiene nas explorações

Se a exploração pecuária tiver um incumprimento de higiene geral devido à presença de pássaros (e das suas fezes) é importante agir para evitar o início de um procedimento sancionatório contra a exploração. A este respeito, antes da segunda inspeçãorecomenda-se que a exploração possa demonstrar a implementação de medidas destinadas a reparar esse incumprimento.

Em explorações fechadas ou intensivas é importante implementar medidas de encerramento dos pontos de entrada (malhas, redes…), para impedir a entrada dos pássaros na exploração. No entanto, em muitos casos, isto não é suficiente. Em explorações abertas ou semi-intensivas o controlo de pássaros é uma tarefa mais difícil.

Em qualquer tipo de exploração, quer seja intensiva ou semi-intensiva, geralmente é mais eficaz combinar diferentes métodos de controlo de aves. Os mais relevantes são:

  • Repelentes de Pássaros por Sons – É aconselhável utilizar repelentes por sons que sejam específicos ao tipo de aves que provocam os problemas de higiene na exploração. Tipicamente as espécies de pássaros que mais problemas causam nas explorações pecuárias são: pombospardaistordosestorninhoscorvos
  • Repelentes Visuais de Pássaros – Entre todos os repelentes visuais que existem no mercado, recomendamos, devido à sua maior eficácia, a instalação de Falcões Espanta Pássaros que simulam de forma muito realista o voo de um falcão no exterior da exploração
  • Repelentes Laser – Existem dois tipos de repelentes laser: automáticos e manuais. Dentro dos repelentes laser automáticos, existem modelos que servem apenas para o interior e outros mais potentes que servem para o exterior. Os repelentes laser automáticos para o interior são soluções mais económicas. Os repelentes laser automáticos para o exterior são soluções bastante mais caras que requerem de um técnico especialista para a sua instalação e manutenção. Para o manuseamento dos repelentes laser manuais, é necessário ter um certificado de operador laser, que pode ser obtido sem muita dificuldade consultando o fabricante.
  • Repelentes Mecânicos que evitam que as aves pousem ou façam os seus ninhos em pontos críticos da exploração

Se a exploração pecuária tiver um incumprimento de higiene geral provocado por pragas de pássaros na exploração, recomendamos que entre em contacto com a BirdGard Iberia, empresa líder em repelentes de pássaros. Um dos seus técnicos irá aconselhá-lo/a gratuitamente sobre as melhores medidas a implementar no prazo de correção concedido pelos inspetores, de forma a evitar um procedimento sancionatório.

Se a exploração pecuária não tiver feito uma inspeção oficial, mas tem pragas de pássaros na exploração, igualmente recomendamos implementar medidas de controlo de aves, com o objeto não só de evitar um possível incumprimento numa eventual inspeção, mas também com o objeto de melhorar o nível de higiene da exploração, poupar dinheiro em eventuais tratamentos de doenças transmitidos pelas fezes dos pássaros, e melhorar o bem-estar do gado.

One thought on “Controlo de Higiene em Explorações Pecuárias

Comments are closed.