repelente-de-javalis-instalacao

Como evitar que os javalis destruam o relvado

Um dos clientes da BirdGard Iberia conta a sua experiência

As pragas de javalis causam imensos danos em quintas, jardins, pradarias… Jose Carlos Larramendi (em adiante JC) conhece bem o problema e neste artigo conta como conseguiu evitar que os javalis destruam o relvado da sua quinta, graças ao repelente sonoro da BirdGard.

Dou-lhe a medalha de ouro. Recomendo o repelente de javalis da BirdGard a todas as pessoas que tenham problemas com pragas de javalis.”

As pragas de javalis devastavam os campos da sua quinta

prado-que-protege-o-repelente-de-javalis

JC vive numa quinta rústica na zona de Gerona (Espanha). A casa está localizada no interior de uma zona de bosque, rodeada por pradarias naturais; além disso, tem um viveiro de plantas autóctones.

Entre as suas atividades profissionais, JC oferece serviços de jardinagem: desenha projetos de jardins novos e dá assessoria noutros já existentes sobre a redução do consumo de água e o uso de produtos químicos; promovendo a utilização de plantas locais e a substituição dos relvados por pradarias resistentes à seca.

Todos os outonos, JC tinha o mesmo problema: pragas de javalis que entravam na sua quinta rústica durante a noites e destruíam os campos. A destruição que causavam era enorme. Os javalis levantavam toda a terra para fazerem buracos grandes e profundos à procura de alimento: minhocas, e vermes da terra.

buracos-relvado-javalis

A procura por uma solução eficaz e definitiva para as pragas de javalis

No outono de 2018, já farto dos repelentes de javalis que não funcionavam, decidiu procurar uma solução profissional e eficaz para evitar que os javalis destruíssem os campos.

repelente-de-javalis-Super-Pro-PA4

Entrou em contacto com a BirdGard Iberia e adquiriu um repelente acústico para espantar os javalis da quinta. Naquele mesmo outono pô-lo em funcionamento e os resultados foram espetaculares. As pragas de javalis deixaram de entrar na quinta e não voltaram a vandalizar os campos.

“Medalha de Ouro” para o repelente de javalis da BirdGard

JC usa o repelente de javalis há mais de dois anos e afirma:

“Dou-lhe a medalha de ouro. Continua a funcionar da mesma forma que no primeiro dia. Recomendo o repelente de javalis da BirdGard a todas as pessoas que tenham problemas com pragas de javalis. E estou à disposição se quiserem entrar em contacto comigo para saberem mais sobre a minha experiência.”

Conselhos de instalação para obter os melhores resultados e evitar que os javalis destruam o relvado

Em relação à instalação do repelente de javalis, JC aconselha:

evitar-que-os-javalis-destruam-o-relvado

“Para conseguirem bons resultados é muito importante que a instalação das colunas que vêm com o equipamento seja feita a uma determinada altura, evitando obstáculos e árvores, para assim conseguirem a melhor cobertura possível. Como é possível ver na fotografia, eu tenho a coluna a uns 4 metros de altura num poste.

Além disso, configurei o equipamento para que emitisse os sons aproximadamente de 8 em 8 minutos. Isto significa que se houver um javali na zona, nesse intervalo de 8 minutos que o repelente está em silêncio, o javali pode entrar na quinta. Mas se o fizer, não vai causar muitos danos. No máximo, deixará alguma marca no solo, porque assim que o repelente voltar a emitir os sons, o javali assusta-se e foge da quinta.

Nas zonas que não estão protegidas pelo repelente da BirdGard, ou seja, fora do alcance das colunas, os javalis “lavram” os campos e abrem valas no terreno. Isto confirma-nos que eles ainda andam por lá, mas que não entram nas zonas onde os sons são percetíveis para eles.

JC tem câmaras instaladas e através dos vídeos controla a passagem destes animais e de outros existentes na zona como raposas, texugos, lebres e coelhos.

repelente «Super Pro PA4» emite sons intimidadores para os javalis: cães de caça a ladrar, tiros de espingarda, e diferentes pedidos de socorro dos próprios javalis (grunhidos e guinchos). Quando os javalis ouvem estes sons ficam a achar que existem outros javalis a avisar que há um problema, que estão a ser atacados, por isso assustam-se e fogem imediatamente da zona.

Repelente-de-Javalis-Super-Pro-PA4

Sobre se os sons emitidos pelo repelente são irritantes, JC comenta:

“A minha casa está na quinta e eu moro lá. O repelente de javalis está configurado para emitir sons durante toda a noite, mas a mim não me incomoda. O equipamento está no lado oeste da quinta e todos os quartos têm janelas duplas, e mesmo nas divisões que estão orientadas para oeste quase não se ouvem.”

A emissão de sons não é constante, nem repetitiva. Os sons são emitidos num padrão totalmente aleatório, numa ordem diferente, em níveis de frequência diferentes, por colunas diferentes. Toda esta variabilidade criada pelo “Super Pro PA4” evita que os javalis se habituem aos sons. JC confirma:

“Os javalis não se habituam a este equipamento da BirdGard Iberia. Eu uso-o há mais de dois anos, e funciona como no primeiro dia. Tal como já disse: merece a medalha de ouro.”

Conclusões

Se pretender saber mais sobre as características dos javalis, o seu habitat, os períodos de reprodução e infância, aconselhamos a leitura do artigo: «Afugentar Javalis. Truques Caseiros e Soluções Profissionais».

Se quiser evitar que os javalis destruam o relvado, adquira hoje mesmo o repelente «Super Pro PA4». Disponível através da loja on-line da BirdGard Iberia – Portugal: https://www.brulemar.com/Repelente-de-Javalis

One thought on “Como evitar que os javalis destruam o relvado

Comments are closed.