abelharuco_merops_apiaster

Como Afugentar Abelharucos

Neste artigo, vamos explicar como afugentar abelharucos. Os abelharucos provocam grandes problemas e prejuízos económicos aos apicultores. Mas primeiro, para aprender a combater abelharucos é muito importante entender melhor os hábitos desta bela ave:

Dados importantes a conhecer sobre o Abelharuco

O abelharuco (Merops apiaster) é uma ave muito bonita, ricamente colorida, com o bico curvo e as asas pontiagudas.

Alimentação do Abelharuco

O nome desta ave em inglês é “Bee Eater”. E de facto, o abelharuco alimenta-se principalmente de abelhas que caça durante o voo, mas também de outros insetos voadores como: vespas, formigas voadoras, libélulas, etc.

Para caçar, os abelharucos costumam pousar nos ramos secos das árvores ou nos cabos elétricos. A partir dessa posição avistam as suas presas e caçam-nas em voo. Como podemos ver no próximo vídeo, o abelharuco pousa nos ramos para comer a sua presa, mas antes de a comer, bate com ela no ramo para lhe tirar o ferrão.


Habitat do Abelharuco

ninhos_abelharucosOs abelharucos são gregários, ou seja, vivem em colónias de vários exemplares.

Os abelharucos fazem os seus ninhos escavando túneis na areia. É comum encontrar ninhos de abelharucos nas margens arenosas que se formam nos rios. Os abelharucos têm tendência em regressar todos os anos ao mesmo lugar para nidificar e costumam pôr entre 2 e 9 ovos.

Por isso, se no ano passado viu abelharucos na zona, o mais provável é que este ano regressem para nidificar no mesmo lugar. Normalmente preferem zonas de cultivo próximas aos rios, perfeitas para construir ninhos de abelharucos, e zonas pouco arborizadas ou com matagal disperso.

Predadores do Abelharuco

Os inimigos naturais do abelharuco são as aves de rapina como o falcão peregrino, o gavião, o açor… Os abelharucos têm um medo inato destas aves de rapina. Se alguma destas aves estiver em voo na zona, os abelharucos não se aproximam até o perigo passar.

Meses de Migração do Abelharuco

Como Afugentar AbelharucosO abelharuco emigra de África para o sul da Europa: Espanha, Portugal, França e Itália nos meses de verão. Os primeiros abelharucos costumam chegar no final de maio, e estão presentes durante os meses de junho, julho, agosto e setembro. Com a chegada do frio em setembro, os abelharucos regressam aos climas mais quentes de África.

O Abelharuco, uma ave protegida

O abelharuco é uma ave protegida. Por isso, é muito importante saber como afugentar abelharucos, que métodos podemos e não podemos utilizar.

Abelhas e Abelharucos. Impacto do Abelharuco no Sector Apícola

Abelhas_AbelharucosA apicultura é um sector de grande importância, não só económico, mas também, como ferramenta meio ambiental. No entanto, o Abelharuco Europeu está a causar grandes prejuízos económicos nas explorações apícolas.

Os prejuízos provocados pelo Abelharuco Europeu nas colmeias não é só porque os abelharucos comem as abelhas: tanto as abelhas operárias, como os zangões. Os abelharucos parecem ter preferência pelas abelhas rainhas, que são maiores, e que caçam durante os seus voos lentos nupciais e de fecundação. Isto representa um grande risco para a viabilidade da colónia, uma vez que as abelhas rainhas põem mais de 1000 ovos por dia.

Mas, como dizíamos, o problema dos abelharucos não é só por comerem as abelhas. Outro grande problema dos abelharucos é que não deixam as abelhas sair da colmeia para coletarem o néctar das flores. Se as abelhas sentirem a presença do abelharuco pousado na zona, perto das colmeias ou ouvem o seu canto tão peculiar, estas evitam sair das colmeias. Isto causa a falta de refrigeração das colmeias e pode provocar a morte da colónia.

Como afugentar abelharucos

O Abelharuco Europeu é uma ave protegida. Por este motivo, é muito importante saber como combater abelharucos, que métodos podemos e não podemos utilizar, quer seja por serem proibidos ou por não serem eficazes.

Métodos que Não podemos utilizar para Combater Abelharucos. Porque estão proibidos

O Abelharuco Europeu é uma ave protegida. Não pode ser morta nem capturada, já que corre o risco de morrer. Isto significa que, para combater os abelharucos não pode utilizar: espingardas, venenos, malhas, redes de captura ou qualquer outro método que possa causar a sua morte.

Métodos que Não podemos utilizar para Combater os Abelharucos. Porque não são eficazes

Para combater os abelharucos, desaconselhamos utilizar repelentes de pássaros por ultrassons. Estes repelentes de pássaros por ultrassons são praticamente inaudíveis para as pessoas e totalmente ineficazes para afugentar abelharucos.

Também desaconselhamos utilizar repelentes visuais de pássaros estáticos. Referimo-nos às figuras de mochos sentados que têm pouco ou nenhum movimento. A sua eficácia, se alguma, é muito limitada no tempo. Depois de alguns dias, os abelharucos habituam-se a estas figuras e deixam de ser eficazes.

Como afugentar abelharucos. Métodos aconselhados

Como comentámos anteriormente, alguns dos predadores do abelharuco são as aves de rapina como o falcão, o açor, o gavião…

Serviços de Falcoaria

Serviços_FalcoariaOs serviços de falcoaria, que realizam voos de intimidação destas aves, costumam ser eficazes para afugentar abelharucos. Os abelharucos não se aproximam da zona enquanto o perigo estiver presente. No entanto, os inconvenientes destes serviços de falcoaria são principalmente dois:

  • Por um lado, o preço. Para a maior parte dos apicultores são serviços muito carosApicultores aficionados que querem proteger as suas colmeias, mas onde o retorno económico não justifica a contratação de um serviço de falcoaria.
  • Por outro lado, a sua eficácia está limitada no tempo. Ou seja, não é suficiente fazer um voo de intimidação por temporada. Para que seja eficaz, a ave de rapina deve voar na zona com alguma frequência.

Réplica Animada de Falcão Espanta Pássaros para Afugentar Abelharucos

Falcão_Espanta_PássarosUma boa alternativa para evitar os elevados custos dos serviços de falcoaria, é utilizar a Réplica Animada de Falcão Espanta Pássaros. Vejamos como funciona:

  • A Réplica Animada de Falcão Espanta Pássaros simula a presença de um falcão a voar na zona.
  • O dispositivo tem uma vara telescópica, que é fixa ao chão, perto da zona das colmeias, que queremos proteger, e num lugar bem visível.
  • A vara telescópica está disponível em dois tamanhos: 5 ou 7 metros de altura. Sempre que seja possível, aconselhamos utilizar a vara de 7 metros de altura, já que ao fazer com que a réplica de falcão voe mais alto, esta torna-se mais realista e, portanto, mais eficaz.
  • Na parte alta da vara é colocada a réplica que simula um falcão. Com uma gama de cores muito realista. O dispositivo foi desenhado para que, com apenas uma leve brisa, a réplica de falcão levante voo e simule a presença de um falcão na zona.

E funciona! A Réplica Animada de Falcão Espanta Pássaros demonstrou ser eficaz inclusive para afugentar outros pássaros maiores como as gaivotas. A sua cobertura é de 700 m2.

Alguns conselhos sobre como afugentar abelharucos utilizando a réplica de falcão:

  • É muito importante que a réplica de falcão seja o mais realista possível. Evite réplicas de falcão pretas. Pouco realistas.
  • A vara deve ter, pelo menos, 5 metros de altura. Melhor ainda se tiver 7 metros.
  • Para manter o falcão espanta pássaros eficaz ao longo do tempo, e principalmente durante os meses que os abelharucos atacam as colmeias, evite deixá-lo sempre na mesma posição.
    • Aconselhamos que de vez em quando o vá mudando de posição (de 5/6 em 5/6 dias). Coloque-o sempre num lugar bem visível aos abelharucos que pousam perto da colmeia.
    • Retire o falcão espanta pássaros se vir que os abelharucos já não estão na zona. Volte a colocá-lo se os abelharucos voltarem a tentar atacar as colmeias.

Leia o próximo artigo, se necessitar de mais informações sobre como funciona a réplica de falcão para afugentar pássaros.

Como Afugentar Abelharucos. Repelentes de Pássaros por Sons

A Bird Gard Iberia dispõe de um repelente por sons específico para afugentar abelharucos das colmeias. Este repelente de abelharucos emite sons audíveis que são uma combinação de:

  • Gritos de caça de diferentes aves de rapina do abelharuco: falcões, águias, mochos…
  • Sons eletrónicos de assédio.

Repelentes_AbelharucosAo contrário de outros repelentes por sons Bird Gard, que emitem pedidos de socorro dos pássaros a afugentar, o repelente de abelharucos Bird Gard não inclui este tipo de sons. As abelhas ao ouvirem estes pedidos de socorro do abelharuco, acreditariam que os abelharucos estão na zona e não sairiam das colmeias.

O repelente de abelharucos Bird Gard emite os sons num padrão aleatório, sempre diferente, num nível de frequência diferente e por colunas diferentes. O intervalo de silêncio entre a emissão de sons também é diferente. Esta aleatoriedade evita que os abelharucos se habituem aos sons do Bird Gard.

Existem diferentes modelos de Repelentes de Abelharucos Bird Gard em função da área de cobertura necessária:

A réplica de falcão espanta pássaros é sempre um bom complemento ao repelente de abelharucos por sons. A presença do falcão na zona combinada com os seus gritos cria um efeito sinérgico que aumenta a eficácia da solução.

Como Afugentar Abelharucos. Conclusões

One thought on “Como Afugentar Abelharucos

Comments are closed.